Nesta terça-feira (23), a Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb) emitiu nota repudiando a ação de seguranças do governador Rui Costa contra professores da instituição. Os docentes, que protestavam contra cortes de verbas para a Universidade, foram agredidos pelos seguranças do governador nessa segunda (22).

Confira a nota:

“A administração da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb), por meio do reitor, professor Paulo Roberto Pinto Santos, vem manifestar solidariedade aos professores, servidores técnicos e estudantes da Uesb por terem sofrido ato de violência por parte de seguranças do governador do Estado, durante sua visita em Vitória da Conquista, na última segunda-feira, 22 de agosto.

O reitor vem a público manifestar sua posição contraria a qualquer ato que impeça ou iniba a liberdade de expressão. Além disso, ele repudia todo e qualquer ato de violência. Nesse momento, a administração da Uesb se solidariza com todos os membros da comunidade universitária, em especial aos professores agredidos no momento em que lutavam e reivindicavam seus direitos e melhorias para nossa Universidade”. *Informações do Blog da Resenha Geral.