Na tarde de segunda-feira (22),  a Polícia Militar de Jussiape recebeu ligação do Conselho Tutelar informando que uma menor de 14 anos teria ateado fogo no seu pai e na madrasta e  após o acontecido teria fugiu em direção à Mata fechada, no povoado do Paixão. De posse desta informação, a guarnição deslocou até a Casa de Saúde da Cidade pra verificar a veracidade do fato, onde constatou que a madrasta da menor  e o pai deram entrada com queimaduras no corpo, sendo o pai, em estado grave, transferido para Vitória da Conquista. Após saber essas informações a policia se deslocou até o Povoado do Paixão para colher melhores informações, onde encontraram com o avô paterno, que informou que a menor sofria de problemas psicológicos, depressão, e já tinha tentado suicídio.  A mãe biológica da infratora, também  estava a procura da filha.Horas depois encontraram no Povoado do Paixão, um corpo que a principio pensava-se ser da adolescente, ao chegar no local, foi constado pelo Samu 192  o óbito de uma mulher, com algumas escoriações e sangue. Porém descobriu que a vitima se trava de Adriana Santos Almeida, mãe da adolescente infratora. A mulher  havia encontrado com a filha no meio da mata e tinham entrado em luta corporal, onde a menor deu uma pedrada na genitora , que não resistiu aos ferimento veio a óbito no local. A menor foi encontrada posteriormente por familiares e será apresentada na delegacia. Por se tratar de uma menor, o caso deverá ser minuciosamente averiguado. *Informações do Brumado Agora.